Noroeste derrota o rival Marília diante de público recorde no Paulista

Um clássico marcante, como todo torcedor gosta de assistir. As arquibancadas foram um espetáculo à parte, com público recorde na fase de classificação da Série A3 do Paulista, com 4.919 pessoas na noite desta quarta-feira (21), no estádio Alfredo de Castilho. Dentro de campo, soberano nos clássicos, o Noroeste não decepcionou e venceu o rival Marília mais uma vez no Alfredão, por 1 a 0, com gol do atacante Alef, no segundo tempo. O jogador deixou o banco de reservas para decidir a partida e entrar para a história do dérbi regional.

O triunfo deixou o Noroeste na quarta posição, com 21 pontos, dois a menos que o líder Atibaia e o mesmo número de pontos que o terceiro, o Capivariano.

 

COMPLICOU O RIVAL

A derrota em Bauru complicou o MAC, que segue na zona de rebaixamento, com os mesmos 11 pontos, duas derrotas consecutivas, levando 5 gols em duas atuações fora de casa, e na 16.ª colocação de um total de 20 equipes do Paulista.

 

DOMINANTE

O Noroeste dominou os 90 minutos e só não saiu de campo com placar elástico porque a trave, um pênalti perdido e vários gols desperdiçados não deixaram o torcedor comemorar uma eventual goleada. O Noroeste pressionou o MAC desde o primeiro minuto de jogo. O time de Bauru acertou bola na trave com o camisa 10 Leandro Oliveira. O armador do time, que apesar de ter perdido um pênalti aos 40 minutos do primeiro tempo, com defesa do camisa 1 Gilson, foi um dos principais nomes ofensivos no jogo.
O Noroeste deixou o primeiro tempo com um gostinho amargo e o torcedor, na arquibancada, com o grito de gol entalado na garganta. O técnico Alberto Félix mexeu no time, ofensivamente, e promoveu a estreia na competição do centroavante Romão, no lugar de Leandro Oliveira, Alef no lugar de Alex Silva e André Rocha substitui Gindre.

 

GOL

O Norusca seguiu pressionando o Marília, até que aos 27 minutos da segunda etapa, após troca de passes, a bola foi alçada na área, Romão desviou e Alef bateu colocado na saída do goleiro, de pé direito, 1 a 0. Na comemoração, o atacante fez uma cambalhota e correu com os demais jogadores para próximo da torcida.

 

“FELIZ DEMAIS”

Feliz com a vitória, o jogador agradeceu ao público presente. “Estou feliz demais em poder marcar um gol e fazer parte de um clássico tão importante como este. Mas o resultado, a vitória, junto com os meus companheiros, é o mais importante. Agradeço a presença da torcida que compareceu pra prestigiar”, disse Alef.

O volante Maicon Douglas também comentou sobre a vitória. “Ano passado eu estava la naquela derrota pra eles, em Marília, mas é outro ano, outra história, e graças a Deus conseguimos vencer esse clássico importante diante da nossa torcida. Tenho uma história aqui e fico feliz demais em poder presentear esse show a parte, essa arquibancada lotada, com a vitória.

Debutante no clássico, o técnico noroestino Alberto Félix parabenizou o elenco. “Foi incrível ver essa torcida aqui hoje. Ficamos muito felizes. E os jogadores estão de parabéns. Vitória importante e motivadora. Agora já temos mais um jogo importante pela frente e também precisamos somar pontos”, disse.

O Noroeste volta à campo no sábado, às 11h, contra o São Carlos, fora de casa, com transmissão ao vivo pela TV e Internet da Rede Vida.

 

Bruno Freitas
Assessoria de Imprensa
E.C. Noroeste

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Site Protection is enabled by using WP Site Protector from Exattosoft.com