Projeto “Um Canto no Botânico” completa 10 Anos

Neste ano de 2018 o Jardim Botânico Municipal de Bauru (JBMB) realiza a 10ª edição do projeto “Um canto no Botânico”.

O projeto teve início em 2009, com o objetivo de unir a música e a natureza em um mesmo local. Desde então, a Praça dos Bambus se tornou palco para apresentações musicais que acontecem todos os anos, a partir do mês de setembro até o início de dezembro, quinzenalmente, aos domingos a partir das 10h. Durante o período do projeto, também é comemorado a chegada da Primavera (23/09), o Dia Nacional do Cerrado (11/09) e o Dia da Árvore (21/09).

Durante esses 10 anos o projeto deu oportunidade para 375 artistas expressarem seus talentos musicas, sempre valorizando o melhor da Música Popular Brasileira. Foram 64 apresentações de variadas formas: individuais, em grupos, corais, bandas e orquestras, com grande diversidade cultural de músicos da cidade de Bauru e região, sem falar nos encerramentos memoráveis com Tetê Espindola, Saulo Laranjeira, Lô Borges, Lula Barbosa, Toninho Ferragutti e Claudio Nucci. Nesses nove anos, o projeto recebeu um público de mais de 16 mil pessoas.

Para o diretor do Jardim Botânico, Luiz Carlos de Almeida Neto, a palavra que hoje define o projeto é “Encontro”, encontro com a música, com a natureza, com amigos, sentimentos e lembranças que só a música pode proporcionar. “O projeto é um sucesso graças ao local agradável, aos funcionários dedicados, ao público fiel e educado, aos músicos de qualidade, ao Governo Municipal, que apoia o projeto através da Secretaria do Meio Ambiente e aos parceiros do projeto Amigos da Natureza que sempre apoiam e valorizam essa iniciativa”, ressalta o diretor.

“Um Canto no Botânico” é uma iniciativa do Jardim Botânico Municipal de Bauru. Essa 10ª edição foi realizada em parceria com as empresas do projeto “Amigos da Natureza”: AGNALDO DISARZ CIRURGIA PLÁSTICA; BATERIAS ROUTE; BATERIAS TUDOR; BAURU OUTDOOR; BAURU PAINÉIS; CERÂMICA COSTA LOPES; CIDADE OUTDOOR; CLINICA VIGUS; COMPAC; CONSTEL TELECOM; COPICAL TINTAS; CRIARTE; ECOART; GRUPO LWART; GUEDES DE AZEVEDO; JAGUACY AVOCADO; LIONS CLUB BAURU BELA VISTA; OMNIGRÁFICA; PHARMACIS FARMÁCIA DE MANIPULAÇÃO; PRAÇA BRASIL SALGADOS; SERVIMED; SOBRA FÉRTIL; STOCKMAT; THERMIC; e UNIMED BAURU e conta com o apoio da PALAMIN IMPRESSÃO DIGITAL na divulgação.

img_31307_1

SHOW DE ABERTURA – QUARTETO REGIONAL DO CHORO – 16/09 

Para o show de abertura (16/09), teremos o grupo “Quarteto Regional do Choro”, formado pelo Maestro Badê (piano e acordeon), Ivan Bulhoes (clarinete e violão), Paulo Villaça (bandolim, cavaquinho e violão 7 cordas) e Paulo Del Nery (percussão). O repertório conta com clássicos do choro de compositores como Jacob do Bandolim, Waldyr Azevedo, Pixinguinha, K-Ximbinho, Ernesto Nazaré, Hamilton de Hollanda, Abel Ferreira, Zequinha de Abreu. Na formação instrumental os músicos utilizam bandolim, cavaquinho, clarinete, violão, violão sete cordas, pandeiro e acordeom, sendo que alguns membros do grupo trocam de instrumentos durante os shows.

O “Quarteto Regional do Choro” é um grupo formado por músicos que admiram o choro ou chorinho. O Quarteto visa tocar e divulgar o Choro, incentivando aos demais músicos e estudantes de música a estudarem o gênero, além de levar o “Chorinho” para que diferentes gerações possam relembrá-lo, conhecê-lo e apreciá-lo, promovendo assim, a divulgação desse riquíssimo estilo musical. O grupo é formado por professores e músicos profissionais que atuam na área, tanto da educação musical, como em shows, interpretando, além de choro, outros estilos como jazz e bossa. O quarteto, anteriormente com o nome “Regional do Villaça”, vem realizando shows em teatros, auditórios, casas de shows, feiras, shows beneficentes e festivais desde 2005.

OS MÚSICOS 

Badê iniciou a carreira musical aos 10 anos de idade, tocando acordeon e em seguida piano. Compositor, arranjador e professor de piano e acordeon no conservatório Bauruense de Música. Toca todos os gêneros musicais e ainda atua na noite bauruense. Paulo Villaça, (violão 7, cavaco, bandolim), atualmente tem se dedicado a aulas de música em sua escola. Ivan Bulhões (Clarineta e violão) fez parte da Orquestra Véritas, é um músico bastante versátil que acompanha vários estilos. Paulo Del Nery, (Pandeiro), professor e baterista, também foi integrante da Orquestra Véritas.

Todos os integrantes já atuaram em vários grupos e acompanharam músicos famosos, tocando vários estilos.

Acompanhe a programação no blog do JB: www.jbbauru.blogspot.com, pelo Facebook: Jardim Botânico Municipal de Bauru.

 

SETEMBRO 
16
Badê, Paulo Villaça, Paulo Del Nery e Ivan Bulhões – Chorinho

30
Leda Rafaela – MPB

OUTUBRO 
07
Manu Sagiorro e Norba Motta – MPB

21
Eliel Firmino – MPB

NOVEMBRO 
11
Nelson Itaberá

25
Cris Ventura

DEZEMBRO 
02
Orquestra Sinfônica Municipal

img_31307_3

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Site Protection is enabled by using WP Site Protector from Exattosoft.com